Good cop and bad cop

Tenho sido um pai chato com meus filhos. Sempre sou eu que dá a bronca, que tira o direito do celular, que bate. 

Reconheço hoje que teria feito escolhas muito, muito irresponsáveis se o meu pai não fosse firme comigo durante minha infância e adolescência. 

Vejo também porque meus pais perdiam a paciência comigo quando vejo os meus próprios meninos replicando tudo o que fiz. 

Sei que se eu não for o chato, o que cobra, não será a vó, nem a professora da escola que resolverão essa questão. 

Mas bate aquele sentimento de encolhimento no coração quando os meninos escolhem a mãe na hora do aperto. Mudaria algo se eu inverter para o good cop e a mamãe fosse o bad? Tem algo me dizendo que não. Mãe é número 1. 

Papai ama vocês todos. O amor que  pais tem pelos filhos é verdadeiro e incondicional. 

Beijos e abraços. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s