Tabu

O tema de hoje é sobre a minha descoberta do sexo. A parte que o cara do meu prédio se masturba em mim não conta. Ainda bem que eu não tinha noção. 

Puxando de memória eu acho que vi uma foto de revista com cenas bem fortes perto dos 6 anos. Lembro de ter achado forte e me provocou nojo. Era uma mulher fazendo oral em dois homens plus size. 

Depois disso consigo me lembrar lá pelos 9, 10 anos.  O meu primo que é um ano mais velho me perguntou se eu sabia bater punheta. Eu não sabia e ele me contou a mecânica da coisa. Caso não saiba o homem não ejacula desde criança. Era o meu caso. 

Mais ou menos nessa época um outro primo mais velho me mostrou o que acontece quando ejaculamos. Ele foi se masturbar no cantinho e me mostrou como era o esperma depois. 

Não me recordo de quando comecei a ejacular. Me lembro sim de ter desenvolvido pêlos pubianos depois de todos os moleques. Demorei muito para me desenvolver. 

Mas depois que a gente chega nessa fase, é dureza. É muito hormônio pra uma pessoa só. Estou bem constrangido de me lembrar desta época. 

Fatos notórios: um dia estava passando férias na casa do meu avô. Pedi para meu primo comprar uma revista na banca. Aí a gente escondia a revista no meio das plantas do jardim da frente da casa, pela calçada a gente acessava a revista. Eis que estou escondendo a revista quando olho para trás e vejo que tem uma família dentro do carro estacionado bem em frente à casa do meu avô!!

Fato 2: meus pais saem de casa, eu pego meu filme erótico em fita cassete (!!) para assistir no quarto deles, já que no meu não havia o aparelho. Depois que assisti ao filme, deixei a capa da fita em cima da cama e a fita dentro do aparelho. Quando minha mãe chegou, viu aquilo e fingiu não ter visto nada. Esperei um momento em que o quarto estivesse livre para recuperar a fita. 

Foi uma época difícil para arrumar esses materiais, nisso vocês tem muita disponibilidade. 

À propósito só perdi a virgindade com 16 anos. Foi com a minha primeira namorada. E não é tão legal quando a menina é virgem. Dói e sangra nela, não é prazeroso. 

Nos falamos. 

Beijos e abraços 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s